Decidir compartilhar sua casa com um cão faz com que você seja responsável por garantir seu bem-estar completo. Isso significa cuidar de muitos aspectos diferentes, que incluem, sobretudo, proporcionar socialização adequada, companheirismo e afeto adequados e uma dieta ideal.

A comida de cachorro é muito importante porque tem um impacto direto em sua saúde. De fato, a nutrição inadequada atua como um fator desencadeador de múltiplas doenças. Muitos proprietários decidem alimentar seus animais de estimação em casa, como complemento da ração para cães. Portanto, eles devem estar bem informados sobre quais alimentos podem ser tóxicos. No entanto, também é necessário saber interpretar esta informação.

Envenenamento de alho e cebola em cães, dois vegetais que não necessariamente têm que ser deixados fora da dieta do seu cão.

Cebola e alho são tóxicos para cães?

Por muitos anos, e até hoje, tem sido firmemente afirmado que alho e cebola são tóxicos para os cães. No entanto, isso é verdade apenas até certo ponto; é apenas o caso em quantidades excessivas. Na verdade, uma quantidade adequada terá muitos benefícios para a saúde do seu cão.

Este mito enganoso é devido aos compostos de enxofre presentes no alho e cebola, que felizmente possuem muitas propriedades medicinais. Um destes compostos - dissulfureto de n-propilo - foi identificado como uma substância tóxica para os cães. Em altas concentrações, este componente destrói os glóbulos vermelhos e causa um tipo de anemia hemolítica em cães.

Sintomas de...

... envenenamento com alho e cebola em cães

Se seu cão consumiu alho e cebola em quantidades inadequadas, por vários dias ou em quantidade excessiva durante um curto período de tempo, você deve saber que os sintomas de envenenamento não se manifestam imediatamente, mas aproximadamente 5 a 6 dias depois. Os sintomas de envenenamento em cães aparecerão gradualmente e abrangerão o seguinte:

  • Vômito
  • Diarreia
  • Urina de cor vermelha
  • Dificuldade ao respirar
  • Letargia
  • Aumento da frequência cardíaca

Se esses sinais aparecerem, é importante que você vá ao veterinário o mais rápido possível.

Propriedades benéficas de alho e cebola

O alho e a cebola, no entanto, têm numerosas propriedades medicinais que incluem:

  • Permitir que o corpo se limpe e facilite a remoção de substâncias residuais.
  • Propriedades antibacterianas e anti-sépticas.
  • Melhorar a circulação sanguínea.
  • Aumento da resposta imune.
  • Proteger o sistema cardiovascular.

Ao contrário da crença popular, esses benefícios não são observados apenas no corpo humano. Graças ao mecanismo de ação desses dois alimentos, a saúde de um cão também pode ser muito melhorada.

Posso dar alho e cebola ao meu cachorro?

Para responder a essa pergunta, vamos usar um exemplo prático da vida real. Um dia para o almoço, decidi tratar meu cachorro e coloquei algumas batatas salteadas com ovo e cebola em sua tigela de cachorro. Então lembrei-me do mito mais difundido da nutrição canina: "A cebola é tóxica". Claro que entrei em estado de histeria. Pesquisando desesperadamente por mais informações, percebi que havia usado uma cebola de tamanho médio para preparar cerca...

... de 3 pratos de comida, e que a dose tóxica para meu cachorro (um Labrador) era de três cebolas médias. Eu respirei e assisti em silêncio enquanto meu animal de estimação continuava a gozar de ótima saúde.

Se você vai dar um Yorkshire Terrier um prato de caseiro comida contendo cebola, você vai usar uma cebola inteira só para a porção do seu cachorro? Provavelmente não, e esse é o ponto crucial.

Para um cão ser envenenado por uma cebola, e isso nem sempre acontece, teria que consumir 0,5% do seu peso corporal em cebolas. Essa é uma quantidade excessiva que não tem lugar em uma dieta balanceada para cães, mesmo que não seja venenosa.

Se você quiser dar ao seu cachorro comida contendo cebola, você pode dar 2 a 3 colheres de sopa sem problemas. Além disso, você vai dar comida ao seu cachorro com cebola todos os dias? Se você os estiver usando de maneira razoável, não terá com o que se preocupar.

Quanto ao alho, você deve se preocupar ainda menos porque contém um menor proporção de substâncias sulfurosas que podem ser tóxicas. Portanto, um cão pode comer 1 a 2 dentes de alho por dia, dependendo do seu peso.

Este artigo é puramente informativo. Não temos autoridade para prescrever qualquer tratamento veterinário ou criar um diagnóstico. Nós convidamos você a levar seu animal ao veterinário se ele estiver sofrendo de alguma condição ou dor.

Intoxicação Alho e Cebola em Cães - Sintomas e Tratamento